quarta-feira, 25 de setembro de 2013

o homem e o falo


13 comentários:

Junto à Janela disse...

Fazes-me olhar com outros olhos para locais que conheço tão bem.

ZEKARLOS disse...

Eu tb falo isso : ) grande foto, excelente enquadramento. Abraço

Marco C. disse...

"junto à janela", o meu objetivo foi então cumprido. Fico contente :)
ZEKARLOS, obrigado e abraço!

Remus disse...

Com um título desses... Cala-te Remusinho porque senão a conversa vai descambar...

Bom jogo de sombras, em que o rectângulo de ar livre, ficou muito bem evidenciado.

Analizando a fotografia, eu diria que o homem tem mesmo algo firme e hirto a "sair" (sombras?) da zona pélvica. E mais não digo. :-D

João Menéres disse...

Eu também falo.
Outras vezes, prefiro o silêncio...

Um abraço.

Marco C. disse...

remus, tens olho p'ra coisa!! Olha q nem eu tinha reparado nessa
"sombra pélvica"! :)

Rute disse...

Grande...foto;) Adoro o enquadramento e o cuidado com todos os pormenores.

1 bj

Jéfferson B. Cezimbra disse...

Bela imagem Marco.
Gostei muito da composição em si.
O enquadramento e o P&B valorixaram muito a imagem.

Questiuncas disse...

Depois de ler o comentário do Remus ia propor que o Marco colocasse uma bolinha vermelha no canto superior direito, mas como a fotografia é a preto e branco proponho um crop à fotografia pela zona pélvica ou ainda, que o próprio Remus, (como penitência) utilizando o GIMP, removesse aquela diabólica sombra pélvica.

Helena Prata disse...

Muito bom enquadramento e o jogo entre as áreas de luz e de sombra. O preto e branco foi uma excelente opção.

Realmente o pormenor que o Remus realçou, também o vejo :-D bela escolha de título!

Marco C. disse...

quer dizer q só eu, q tirei a foto, é que não tinha visto! :)

Olivier Rault disse...

Belle composition avec une superbe lumière :)

Remus disse...

Questiuncas: Porque é que tenho que ser eu a cumprir a penitência?
Não fui que tirei a fotografia. Simplesmente constatei um facto, que aparentemente, toda a gente concordou.
Se existe aqui um claro pecador, é o senhor M.C.
:-)